Vacinação contra a febre aftosa é prorrogada

O pedido para a prorrogação da data surgiu após a redução na compra das vacinas

0
18
Foto: Divulgação

A segunda fase da campanha de vacinação contra a febre aftosa foi prorrogada no Espírito Santo. O aumento do prazo foi autorizado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) após uma solicitação do Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf).

O prazo, que terminaria na segunda-feira 30, foi ampliado até o dia 15 de dezembro. Cerca de 2,1 milhões de bovinos e bubalinos, de todas as idades, devem ser imunizados no Estado. O período para comprovar a vacinação também foi estendido até 15 de dezembro, pelo site do Idaf, ou até o dia 23 de dezembro, por e-mail ou nos escritórios.

O pedido de prorrogação teve como base solicitação da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado (Faes), em função do aumento de casos do novo coronavírus no Estado e o baixo volume na compra de vacina. A Superintendência Federal de Agricultura no ES (SFA-ES) reforça o alerta aos produtores de que o Estado é livre de febre aftosa com vacinação e, nessa condição, é obrigatório manter em dia a imunização de todo o rebanho, em cumprimento às normas internacionais.

PUBLICIDADE

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui