Tubarão morre em rede de pesca armada em Regência

O peixe media 3,60 metros e pesava uns 200 quilos

0
25
Foto: Divulgação

Mesmo com a pesca e o uso de redes proibidas, um grupo de pescadores de Regência, em Linhares, armaram uma rede na praia, na terça-feira 31, e um tubarão cabeça-chata morreu preso. O peixe media 3,60 metros e pesava uns 200 quilos.

Segundo o presidente da Associação de Pescadores de Regência, Leônidas Carlos, o aparecimento da espécie é comum nesta época do ano. “Foi o primeiro capturado em 2020, mas esse tipo de tubarão sempre aparece no outono e no inverno”, explicou. Leônidas ressaltou que “a pesca está proibida, mas, mesmo assim, esse grupo estava no mar agiu de forma errada ao pescar”.

O líder comunitário e gerente do Projeto Tamar, Carlos Sangália, explicou que “a presença de tubarões dessa espécie é comum no local, e que muitos pescadores já pescaram esses animais na região. No entanto, os tubarões não ofereceram risco aos surfistas e banhistas e nunca houve registro de ataque”.

O tubarão se enrolou na rede de pesca a aproximadamente 5 km da costa. Cimar Alves Martins foi um dos três pescadores que encontraram o tubarão. De acordo com ele, “o peixe foi encontrado por volta de 8h, e por já estar muito tempo ali, estava cansado e caso fosse devolvido ao mar, morreria, e por isso foi levado até a areia da praia”.

PUBLICIDADE