Taxa de transmissão do novo coronavírus volta a subir no Estado

Em Aracruz, o número de casos ativos de covid-19 saltou de 177 no último dia 24 para 210 na quarta-feira 30, uma média de 4,7 novas confirmações diárias da doença, de acordo com o Painel Covid-19

0
22
Foto: Divulgação

Na segunda-feira 28 o governador Renato Casagrande alertou que a taxa de transmissão do novo coronavírus voltou a subir no Estado e disse que voltará a restringir atividades econômicas e sociais caso as mortes pela covid-19 voltem a crescer. “Com a taxa de transmissão aumentando, vai aumentar a ocupação dos leitos e os óbitos. Bom compreender que não resolvemos a pandemia, ela está presente e precisamos mudar nosso comportamento. Se não mudar, daqui a pouco teremos que tomar medidas restritivas”, declarou.

De acordo com o chefe do Executivo estadual, a taxa de transmissão subiu porque a aglomeração tem sido “exagerada” nos últimos dias. “A gente viu no fim de semana praias lotadas, montanhas lotadas e festas, infelizmente. A gente viu no feriado também aglomerações grandes e o resultado já está aparecendo de forma negativa: taxa de transmissão aumentando”, destacou Casagrande.

Em Aracruz, o número de casos ativos de covid-19 saltou de 177 no último dia 24 para 210 na quarta-feira 30, uma média de 4,7 novas confirmações diárias da doença, de acordo com o Painel Covid-19, da secretaria de Estado da Saúde. Ao todo o município contabiliza 4.205 casos da doença, sendo 210 relativos a pessoas infectadas (5%), 3.922 a pessoas curadas (93%) e 73 a pessoas que vieram a óbito (2%).

Ainda de acordo com consulta feita ao Painel Covid-19 no último dia 30, Fundão tem 658 casos confirmados da doença causada pelo novo coronavírus, sendo 19 ativos (3%), 620 curados (94%) e 19 óbitos (3%). Ibiraçu tem 555, sendo 12 ativos (2%), 533 curados (96%) e 10 óbitos (2%). Já João Neiva tem 455 casos confirmados, sendo três ativos (1%), 442 curados (97%) e 10 óbitos (2%).

PUBLICIDADE