Seminário debate enfrentamento à violência sexual contra crianças e adolescentes em Aracruz

Aracruz é o primeiro município capixaba a contar com uma lei de prevenção e enfrentamento a esse tipo de violência

0
55
A iniciativa é uma ação do Agente do Bem, movimento promovido pelo Portocel com a parceria da Childhood Brasil, reunindo representantes do setor público e privado

Amanhã 13, data do 31º aniversário do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), o Portocel e a Childhood Brasil promoverão um webinário (seminário na web) para abordar a proteção da criança e do adolescente, em Aracruz, primeiro município capixaba a contar com uma lei de prevenção e enfrentamento a esse tipo de violência.

Publicada em 25 de setembro de 2020 no Diário Oficial dos Municípios, a Lei n.º 4.325 apresenta diretrizes para elaboração do Plano Municipal de Enfrentamento às Violências contra Crianças e Adolescentes, Fluxos e Protocolos de Atendimento. O plano foi elaborado com a participação ativa do Portocel e da Childhood Brasil – instituição que se dedica à proteção de crianças e adolescentes contra o abuso e exploração sexual – e do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Aracruz (CMDCA).

O Webinário Agente do Bem é uma oportunidade para debater sobre os encaminhamentos do tema no município. A Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente e ao Idoso, os Centros de Referência Especializados em Assistência Social e os Conselhos Tutelares são os canais por onde geralmente chegam as informações sobre a prática de abuso e exploração sexual contra crianças e adolescentes, e todos estão envolvidos no seminário na web.

Ao desenvolver o Agente do Bem, o objetivo do Portocel é, além de contribuir para ampliar a conscientização sobre o assunto, oferecer ferramentas para prevenir e enfrentar a violência sexual contra crianças e adolescentes no município de Aracruz. “Apoiamos essa causa porque entendemos que precisamos cuidar de nossas crianças e adolescentes. Uma de nossas iniciativas é a capacitação da rede de proteção do município e a formação de multiplicadores que ajudam a fortalecer a conscientização e estimular as pessoas a denunciarem práticas abusivas”, ressalta Alexandre Billot Mori, gerente geral de Operações Portuárias de Portocel.

Junto a suas equipes, o Portocel já qualificou mais de 30 multiplicadores que atuam na disseminação dos princípios do movimento Agente do Bem. Com o apoio da gestão municipal e dos órgãos da sociedade civil que se dedicam ao tema, a expectativa da empresa é criar um ambiente favorável à proteção de crianças e adolescentes no município de Aracruz, que pode até vir a se tornar referência no trato do assunto.

O Webinário Agente do Bem contará com três painéis. O primeiro deles aborda O Agente do Bem e o movimento para a proteção de crianças e adolescentes contra violência sexual. O segundo painel será sobre Os desafios e os avanços da Lei 13.431/17 (que estabelece o sistema de garantia de direitos de crianças e adolescentes vítimas e testemunhas de violências). E o terceiro painel será sobre Proteção da infância e o investimento social privado. A programação completa pode ser conferida no site www.portocel.com.br

PUBLICIDADE