Secretaria de Saúde de Aracruz cancela contrato de R$ 106 mil com produtora de vídeos

Alvo de inúmeras críticas, o contrato – sem licitação frente à situação de emergência em que se encontra Aracruz – foi revelado por um edital publicado ontem 06 no Diário dos Municípios

0
381
Sede da secretaria municipal de Saúde. Foto: Divulgação/Prefeitura de Aracruz

Em ofício encaminhado nesta terça-feira 07 ao presidente da Câmara de Aracruz, vereador Paulo Flávio Machado, a secretária municipal de Saúde, Clenir Sani Avanza, comunicou a decisão pelo arquivamento e consequente encerramento da contratação da empresa AIE Cinema LTDA pelo valor de R$ 106 mil para a produção de vídeos para enfrentamento à pandemia da Covid-19.

Alvo de inúmeras críticas, o contrato – sem licitação frente à situação de emergência em que se encontra Aracruz – foi revelado por um edital publicado ontem 06 no Diário dos Municípios, conforme noticiou a FOLHA DO LITORAL. No mesmo dia, 13 dos 17 vereadores da cidade cobraram o cancelamento da contratação. “Ela não atende ao princípio da economicidade na administração pública, especialmente neste momento atípico”, destacaram os parlamentares em ofício conjunto encaminhado a secretária de Saúde.

No ofício encaminhado ao presidente da Câmara, Clenir Avanza buscou justificar a contratação. “O contrato de publicidade versa sobre campanha de conscientização sobre a Covid-19, necessário por questões de saúde pública para conscientizar a população da importância de obedecer aos protocolos da saúde, como o isolamento e as demais recomendações do Ministério da Saúde e da Organização Mundial da Saúde. Além dos gastos realizados com equipe médica, os gastos com conscientização podem representar uma importante economia de recursos, tendo em vista os gastos que são evitados com descumprimento das recomendações e consequente infecção e propagação da Covid-19”, disse, acrescentando que em nova análise, foi decidido pelo arquivamento do processo e consequente encerramento, dado a recomendação dos vereadores.

Ofício encaminhado ao presidente da Câmara de Aracruz pela secretária municipal de Saúde. Foto: Divulgação
PUBLICIDADE