Médico que trabalhava em Aracruz morre em acidente na BR-101

Dr. Marcelo trabalhava ainda no HGL, em Linhares, e hospitais de Vitória

0
2012

O médico anestesiologista Marcelo Silva Nicoletti, 51 anos, que vinha de Vitória para cumprir plantão no Hospital São Camilo, em Aracruz, morreu na tarde de ontem 19, em acidente no km 243 da rodovia BR-101, na Serra, após colidir com a sua moto, de frente, com um Toyota Etios. Ele atuava ainda no Hospital Geral de Linhares e em hospitais de Vitória, na linha de frente no combate à covid-19.

De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o acidente foi no km 243 da rodovia, no sentido Fundão a Vitória, por volta de 13h45, no qual o automóvel estava trafegando. Marcelo não resistiu ao impacto da colisão e morreu na hora. Segundo a PRF, no carro estava apenas o motorista, que foi socorrido com lesões médias para um hospital particular.

Por conta do acidente, o trecho teve que ser interditado para a realização do trabalho da perícia da Polícia Civil. A interdição durou até as 16h30, quando o tráfego foi liberado para os veículos. O corpo de Marcelo foi encaminhado ao Departamento Médico Legal (DML), em Vitória, para ser liberado por familiares para velório e sepultamento.

A Sociedade de Anestesiologia do Espírito Santo (Saes) publicou nota nas redes sociais lamentando a morte de Marcelo. “A Saes está de luto e presta condolências aos familiares e amigos”, diz o texto.

PUBLICIDADE