João Neiva comemora hoje os 34 anos de emancipação política

Em 11 de maio de 1988 João Neiva se tornava município, emancipando-se de Ibiraçu e construindo a sua própria história

0
38
(Foto: Divulgação/PMJN) Em 11 de maio de 1988 João Neiva se emancipou de Ibiraçu

Hoje 11, o município de João Neiva está em festa, comemorando 34 anos de emancipação política. Em 11 de maio de 1988 João Neiva se tornava município, emancipando-se de Ibiraçu e construindo a sua própria história.

Com uma natureza deslumbrante, João Neiva possui muitos atrativos turísticos, como cachoeiras e trilhas em diversos pontos do município. A cultura também é forte em nossa cidade. Vários expoentes da arte e literatura capixaba são de João Neiva. A agricultura é a força da economia local. Café conilon, cacau e a agroindústria fazem parte de João Neiva. O município também possui um polo industrial e um setor de comércio e serviço pujantes.

A história de João Neiva começou antes do dia 11 de maio de 1988. As primeiras famílias italianas chegaram aos distritos de Acioli a partir de 1887 e Demétrio Ribeiro em 1891. No início do século XX, o engenheiro e deputado federal baiano João Augusto Neiva conseguiu na Câmara Federal a instalação da Estrada de Ferro Diamantina, pertencente à Companhia Estrada de Ferro Vitória a Minas.

Com a instalação da ferrovia surgiu a estação ferroviária, inaugurada em 20 de dezembro de 1905. O terreno para a obra foi doado por Negri Orestes. Pedro Nolasco, foi o idealizador da construção da Estrada de Ferro, e para homenagear o deputado federal João Augusto Neiva, deu à Estação o nome de João Neiva. É em torno da Estação que surgiu o povoado “João Neiva”.

No dia 15 de novembro de 1988 houve a primeira eleição no município, que elegeu Aluyzio Morelatto e José Anízio Ivo Secomandi como prefeito e vice, respectivamente. A primeira Câmara Municipal foi eleita com os vereadores Alécio Jocimar Fávaro, Antônio Pandolfi, Augusto Tessarolo, Ayrton Fornaciari, Edson Luiz Dal Piaz Coutinho, José Carlos Alves dos Santos, José Domingos Del Pupo, José Francisco Grippa, José Geraldo Colombo, Jurandir Mattos do Nascimento, Maria Luiza Casoti Louzada, Natalino Antonio Gasparine e Waldemar de Barros.

PUBLICIDADE

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui