Farmácia Cidadã atende 40 pessoas/dia em Aracruz

Até o final de maio, 5.131 medicamentos foram disponibilizados, sendo 2.506 para pacientes de Aracruz e 2.625 para pacientes de outras quatro cidades

0
24
Foto: Divulgação/PMA

Atendendo cerca de 30 a 40 pessoas por dia e ofertando mais de 350 tipos de medicamentos padronizados, a Farmácia Cidadã Estadual de Aracruz já beneficiou 3.486 pacientes até o final de maio. Foram 1.625 pacientes do município e 1.815 de Fundão, Santa Teresa, Ibiraçu e João Neiva.

No período foram disponibilizados 5.131 medicamentos, sendo 2.506 para Aracruz e 2.625 para pacientes das outras quatro cidades. Existem ainda outros 1.480 processos de abertura de solicitação de medicamentos. Com um orçamento anual estimado em R$ 38 milhões, Aracruz é a 11ª cidade do Estado a ter o programa.

Marlene dos Santos agradeceu pelos serviços ofertados: “Sou moradora da Praia do Sauê e pra mim foi muito bom e de grande valia ter esse serviço em nossa cidade. Antes dela ser inaugurada, tinha que comprar esses remédios, e como eu ganho um salário mínimo, não tinha condições de conseguir tudo que precisava”.

Dirceu Laporti lembrou da dificuldade que tinha ao ir para outras cidades atrás dos remédios. “Era um grande problema. Eu tinha que me deslocar para Vitória e mesmo assim nem sempre conseguia esses medicamentos. Agora, com a Farmácia Cidadã aqui em Aracruz, eu só levo a receita e os remédios estão na mão”, disse.

Os medicamentos padronizados são usados no tratamento prolongado de várias doenças crônicas: Mal de Alzheimer, Parkinson, esquizofrenia, artrite reumatoide, hipertensão pulmonar, glaucoma etc. A Farmácia Cidadã também disponibiliza fórmulas nutricionais e insumos para tratamento de outras doenças graves.

PUBLICIDADE