Estudante do CEA recebe medalha de ouro na edição 2021 da OBA

Inspiração para outros alunos, Guilherme Carvalho Ottz incentiva a participação nas olimpíadas estudantis

0
72
Foto: Divulgação/CEA

O aluno do 9º Ano do Ensino Fundamental, Turma B, do Centro Educacional de Aracruz (CEA), Guilherme Carvalho Ottz, foi premiado com medalha de ouro por sua participação na edição de 2021 da Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA). As provas da competição foram realizadas em plataformas virtuais e presencial.

Guilherme obteve pontuação elevada, conquistando a premiação de ouro e um certificado. O aluno é destaque para o CEA tanto na Olimpíada quanto em seu desempenho acadêmico e postura na escola. Segundo a supervisora escolar do CEA, Rafaela Grazziotti, “Guilherme é um aluno extremamente dedicado aos estudos, sempre buscando aprender e inovar além de uma postura respeitosa e cativante com todos”.

Inspiração para outros alunos, Guilherme incentiva a participação nas olimpíadas estudantis: “Nada melhor do que um bom desafio. A sensação de ganhar uma medalha é indescritível”. A OBA tem por finalidade despertar o interesse dos jovens pela Astronomia, Astronáutica e Ciências afins, contribuindo para a formação científica, e consequentemente, ajudando na escolha de sua carreira profissional.

A Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA), realizada anualmente desde 1998, é um evento que reúne alunos do Ensino Médio e Ensino Fundamental de diversas escolas, públicas e privadas, a fim de difundir o conhecimento astronômico na sociedade brasileira. A prova da OBA consiste em uma atividade prática e uma prova com 10 questões, sendo 7 de Astronomia e 3 de Astrofísica. A participação dos estudantes é voluntária.

PUBLICIDADE