Estaleiro Jurong Aracruz realizará trabalhos de modificação no navio-plataforma P-71

A expectativa é de geração de cerca de dois mil empregos, diretos e indiretos

0
56
A FPSO P-71 passará por modificações e integração no EJA para implantação no campo de Itapu, também na bacia de Santos (SP). Foto: Divulgação

Com informações do site do Estaleiro Jurong, em 30 de junho de 2021

Subsidiária integral da Sembcorp Marine, de Singapura, na Ásia, o Estaleiro Jurong Aracruz (EJA) garantiu um Aditivo ao Contrato do navio-plataforma Tupi B.V. FPSO P-71, avaliado em cerca de US$ 175 milhões, para trabalhos de modificação a serem concluídos na Unidade Flutuante de Produção, Armazenamento e Transferência de Óleo e Gás (FPSO) P-71. A expectativa é de geração de cerca de dois mil empregos, diretos e indiretos.

Projetada originalmente para o campo de Tupi, a FPSO P-71 passará por modificações e integração no EJA para implantação no campo de Itapu, na bacia de Santos, em São Paulo. O principal trabalho do EJA inclui a modificação dos sistemas existentes e integração de sistemas adicionais à plataforma.

Medindo 316 metros de comprimento e 54 metros de largura, a FPSO P-71 é capaz de movimentar 150 mil barris de petróleo por dia e seis milhões de metros cúbicos de gás natural em operação. Tem capacidade de armazenamento de 1,6 milhão de barris de petróleo e pode acomodar 160 pessoas. A entrega da embarcação está prevista para o último trimestre de 2022.

Guhan Thangavelu, presidente do EJA, disse que “o nosso Estaleiro (EJA) é conhecido por ser um dos maiores e mais avançados do Brasil para produtos e soluções offshore, e está estrategicamente localizado na costa Leste do Brasil para atender aos desenvolvimentos de campos no Oceano Atlântico, setores do Golfo do México e da África Ocidental. Este projeto oferece uma oportunidade de mostrar as capacidades do EJA para realizar projetos de engenharia complexos e de grande escala com adaptação rápida de design e layout submarino superior”.

Em setembro de 2019, o EJA entregou a nova FPSO P-68 para a Tupi B.V., que está atualmente instalada nos campos de águas ultra profundas de Berbigão e Sururu, na Bacia de Santos, em São Paulo. Não se espera que a alteração do contrato tenha qualquer impacto material nos ativos tangíveis líquidos consolidados e no lucro por ação da empresa para 2021.

Vagas de empregos

Segundo divulgou o jornal A Tribuna, o Estaleiro Jurong deve abrir cerca de duas mil vagas de empregos. Os empregos diretos serão para especialista em contrato, soldadores, especialista em doc control (controle de documentos), designer naval structure (técnico de estrutura naval), engenheiros e instrumentalista de projeto. Já para as terceirizadas, as vagas serão para montador de andaime, esmerilhador, soldadores, pintor, cortador, eletricista instalador, mecânico de comissionamento, eletricista de energia e controle, montador de tubulação, técnico mecânico, instrumentista, montador de estrutura, líder (mecânico e tubulação).

PUBLICIDADE

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui