Desafios para o futuro prefeito de Aracruz

SUCESSOR HERDARÁ POUCAS OBRAS NÃO CONCLUÍDAS

0
237
Sede da Prefeitura de Aracruz. Foto: Divulgação/Secom

O prefeito de Aracruz a ser eleito em 15 de novembro, e que administrará o município de 2021 a 2024, inicia o mandato tendo que concluir poucas obras não concluídas pela atual gestão, mas que estão em andamento, além de providenciar as assinaturas de ordens de serviços de outras importantes obras para a população. Foram obras importantes iniciadas e finalizadas neste mandato, com as quais o eleito, que assumirá o cargo em 1º de janeiro de 2021, poupará investimentos. As obras em andamento e as já licitadas são:

Obras em andamento
Construção da EMEF Eurípedes Nunes Loureiro – Itaputera – Sede (Estágio 65%)
Construção do CMEI Cinderela – Guanabara – Sede (Estágio 60%)
Construção do Centro Associativo Reviver CEAR – Guaraná (Estágio 40%)
Construção do Centro de Triagem de produtos da agricultura familiar de Aracruz – Parque de Exposições – São Marcos (Estágio 45%)
Construção do edifício de apoio do Parque Aroeiras do Riacho (Estágio 30%)
Infraestrutura urbana do Bairro Santa Rita, em Jacupemba (Estágio 20%)
Adequação da UPA de Barra do Riacho para Hospital de Pequeno Porte (Estágio 90%)
Extensão de redes de iluminação pública (Estágio 40%)
Construção de nova Unidade de Saúde em Vila do Riacho (iniciada)

Obras já licitadas e aguardando ordens de serviços
Infraestrutura urbana do Centro Empresarial da Sede – 1ª Etapa
Infraestrutura urbana da avenida Primo Bitti – Itaparica
Infraestrutura urbana em segmentos de ruas em Jacupemba
Conclusão/reforma e complementação do Centro de Especialidades Médicas de Aracruz, localizada na Rua Lúcia Bitti Devens, bairro Jequitibá

Obs. O jornal FOLHA DO LITORAL traz nesta edição a segunda reportagem sobre os desafios ao futuro prefeito de Aracruz, como forma de contribuir para uma administração transparente e de agrado dos moradores. Serão publicados mais desafios nas próximas edições.

PUBLICIDADE