Coronavírus: bombeiros e prefeitura reforçam o pedido para que população fique em casa

"Só saiam se for extremamente necessário. É tempo de união e precisamos da ajuda de todos nós", destaca nota emitida pela Prefeitura de Aracruz neste sábado (21)

0
Foto: Arquivo Folha do Litoral

Com aviso sonoro, viaturas da 2ª Companhia Independente do Corpo de Bombeiros circularam nas ruas de Aracruz na manhã deste sábado (21) para alertar a população a ficar dentro de casa, diminuindo assim os riscos de disseminação do novo coronavírus, o Covid-19. Em nota divulgada agora a pouco, a prefeitura do município reforçou o pedido, além de ressaltar as medidas que tem tomado para contenção e enfrentamento da doença classificada como pandemia pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Leia na íntegra abaixo.

A Prefeitura Municipal de Aracruz vem reforçar seu compromisso com a população. Estamos monitorando diariamente o avanço dessa pandemia do Covid-19 e nos reunindo com diversos segmentos da sociedade. Pautamo-nos nos direcionamentos da Organização Mundial da Saúde (OMS), da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), nas decisões do Governo do Estado e nas orientações da nossa secretaria de Saúde que, incansavelmente, trabalha para que o pior não aconteça. Por vezes, tivemos que tomar medidas antecipadas em prol da sua vida.

É momento de cautela, de agilidade nas decisões e de comprometimento. Afinal, estamos lidando diretamente com vidas e o sustento das famílias, como disse o prefeito Jones Cavaglieri em pronunciamento. Até o momento temos tido bastante sucesso nas nossas ações. Nenhum caso de contaminação foi confirmado. O Governo do Estado do Espírito Santo, um dos nossos maiores parceiros, tem orientado os municípios de como agir em muitos casos. Estamos mantendo contato e tentando, dentro do possível, negociar as principais medidas em benefício das nossas famílias.

Reforçamos mais uma vez a importância de que fiquem em casa. Só saiam se for extremamente necessário. O decreto de situação de emergência em saúde pública tem o objetivo de proteger a população contra o coronavírus. Os órgãos competentes poderão, então, de modo compulsório, realizar exames médicos, testes laboratoriais, coleta de amostras clínicas, vacinação e tratamento médicos específicos em pacientes.

Mantenha-se informado através dos nossos canais oficiais. Qualquer informação que não tenha vindo de lá pode causar desinformação. Não vá a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e nem ao hospital [São Camilo] se não for urgente. Não há nenhum medicamento indicado à prevenção [de Covid-19]. Qualquer sintoma de gripe entre em contato com a sua unidade de saúde ou através do número (27) 99582-7200. É tempo de união e precisamos da ajuda de todos nós.

PUBLICIDADE

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui