Coronavírus: governador determinada fechamento do comércio não essencial no Espírito Santo

Medida vale por 15 dias a partir deste sábado (21). No período, somente estabelecimentos considerados essenciais poderão funcionar. É o caso de farmácias, padarias e supermercados

0
Foto: Arquivo Folha do Litoral

Comércios não essenciais ficarão fechados por 15 dias, contados a partir deste sábado 21, em todo o Estado. É o que determinou o governador Renato Casagrande na tarde desta sexta-feira (20) como medida para evitar a propagação do Covid-19, o novo coronavírus. No período, somente estabelecimentos considerados essenciais poderão funcionar. É o caso de farmácias, padarias, supermercados, postos de combustíveis, lojas de conveniência e estabelecimentos de alimentação e cuidados com animais.

Ainda de acordo com Casagrande, lanchonetes e restaurantes só poderão funcionar até 16 horas. A medida é mais uma anunciada pelo governador para evitar o contágio e a propagação de Covid-19 no Estado, que contabiliza 13 casos confirmados, sendo um em Linhares e 12 na Grande Vitória.

PUBLICIDADE

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui