Casal de Rottweiler vítima de maus-tratos é resgatado em bairro nobre de Vitória

Caso ocorreu na Enseada do Suá

0
27
Foto: Divulgação/COC

Na manhã de terça-feira 16, a CPI dos Maus-Tratos Contra os Animais da Assembleia Legislativa, presidida pela deputada Janete de Sá, foi acionada por populares que flagraram três filhotes de Rottweiler mortos em um imóvel na Enseada do Suá. A cadela que pariu os animais e outro cachorro adulto também estavam no local. Eles são de uma empresa particular responsável pela segurança do imóvel, o Centro de Operações com Cães (COC).

Populares fizeram vídeo pelo portão do imóvel e flagraram os filhotes mortos no terreno. “Nós acionamos a Polícia Militar; a gerente de Bem-Estar Animal da Prefeitura de Vitória, Katiuscia Oliveira; e o Conselho Regional de Medicina Veterinária para ter acesso ao local e poder avaliar os animais. Os cães usados na segurança patrimonial estavam com baixo peso, com parasitas e lesões necrosadas pelo corpo que foram atestadas pelo médico veterinário Anderson Borsoi. Os animais também não tinham água e a pouca comida estava com baratas. O terreno estava infestado de carrapatos. Uma situação revoltante encontrar os animais nesse estado, sob um sol escaldante de meio dia”, afirmou a deputada Janete de Sá.

A parlamentar ressaltou ainda que o uso de cães para segurança patrimonial é proibido por lei, no município de Vitória. O funcionário da empresa que chegou no local durante a ação da CPI foi conduzido para prestar depoimento no DPJ de Vitória. Ele alegou que alimentava os animais a cada dois dias. Os cães foram retirados do imóvel e lavados para uma clínica veterinária para uma avaliação mais aprofundada.

PUBLICIDADE