Asfalto de Santa Rosa tem base preparada até a metade do trecho

A Construtora Premocil tem 600 dias para concluir todo o asfaltamento, prazo que terminaria no final de dezembro deste ano, mas que deve ser prorrogado por mais seis meses

0
137
Asfalto de Santa Rosa tem metade do trecho preparado. Foto: Danilo Salvadeo

Parece que desta vez o sonho dos produtores rurais e moradores de Aracruz será realidade. As obras do asfalto da estrada de Santa Rosa (ES-124) estão com a base pronta em mais da metade do trecho de 15,7km, ultrapassando a localidade de Grapuama em 1,9 km de base asfáltica preparada e mais 2 km em obras de terraplanagem.

A Construtora Premocil, de Cachoeiro de Itapemirim, montou a usina de asfalto no início da rodovia, ao lado do Loteamento Valle Verde, e faz as obras de asfaltamento a partir de Grapuama. Este trecho de 8 km já está preparado para receber a base asfáltica e depois o recapeamento definitivo. A nova licitação foi dada pelo governador Renato Casagrande no dia 26 de abril de 2019, no Palácio Anchieta, com as presenças do presidente da Assembleia, deputado Erick Musso, e do diretor-geral do DER-ES, Luiz César Maretto. A previsão é que a obra fique pronta no primeiro semestre de 2021.

A empresa tem 600 dias para concluir todo o asfaltamento, prazo que terminaria no final de dezembro deste ano, mas que deve ser prorrogado por mais seis meses. Para Erick Musso, responsável pela gestão de retomada da obra, “o asfalto trará muitos benefícios aos produtores e à região, pois Santa Rosa é uma das mais importantes bacias leiteiras do Estado. No primeiro trecho da rodovia, a Construtora Premocil está realizando o trabalho da base até a localidade de Grapuama e asfaltando de lá até a rodovia Primo Bitti. O valor da obra, com 15,7 km, é de R$ 24 milhões e após o término será mais uma ligação entre Aracruz e Praia Grande, em Fundão, e com a rodovia BR-101, na sede daquele município”.

O Governo do Estado investe R$ 24.199.000,27 na obra, alocando R$ 11 milhões em 2019 e mais R$ 13 milhões neste ano. O asfalto de Santa Rosa é uma continuidade da rodovia ES 124, que começa em Guaraná e vai até a rodovia ES-261, que liga Praia Grande a Fundão.

Erick Musso destacou que a via possui 15,7 quilômetros de extensão e terá uma pista de rolagem de 3,5 metros, acostamento de 1,5 metro e serão implantados 12 pontos de ônibus. A rodovia é muito usada pelos proprietários rurais que escoam suas produções em direção aos centros de comercialização, com destaque para a produção leiteira em Santa Rosa, além de ser um dos caminhos que incrementa a área de turismo, pois facilita o acesso às praias de Fundão e Serra.

O governador do Estado, Renato Casagrande, o deputado Erick Musso e o diretor-geral do DER-ES, Luiz César Maretto, anunciaram em 26/04/19 a retomada das obras da estrada de Santa Rosa. Foto: Divulgação

A NOVELA DO ASFALTO DE SANTA ROSA

Abril de 2009
O então governador Paulo Hartung e o prefeito de Aracruz na época, Ademar Devens, ambos do PMDB, assinaram os convênios para início das obras de asfaltamento da rodovia e a duplicação da avenida Castelo Branco, entre a Praça da Paz e a entrada do Centro Industrial do bairro Bela Vista, em extensão de 2,1 quilômetros (não saiu do papel).

Novembro de 2012
Após anos de promessas do governador Paulo Hartung e de seu sucessor, Renato Casagrande, finalmente o Departamento de Estradas de Rodagem (DER-ES) licitou a obra. A vencedora foi a Construtora Roma, por R$ 19.149.118,09 e prazo de 545 dias para a conclusão. O valor total do Edital de Licitação por concorrência pública era de R$ 25.086.769,01. Participaram 17 empresas, representando um deságio de quase R$ 6 milhões.

Março de 2013
Após anos de promessa, finalmente o sonho dos moradores de Santa Rosa começou a ser realizado. A Ordem de Serviço para o início das obras do asfalto foi assinada na manhã do dia 16, pelo governador Renato Casagrande, na área de eventos da Associação dos Produtores Rurais e Pecuaristas de Santa Rosa e Comunidades Vizinhas (Aprusav).

Maio de 2013
Autorizada em março, a obra de pavimentação da rodovia ainda não teve início. Quando assinou a Ordem de Serviço, o governador Renato Casagrande anunciou que os trabalhos começariam dentro de 30 dias. No dia 16 a promessa completou dois meses.

Agosto de 2013
A Construtora Roma iniciou as obras de asfaltamento a partir do Loteamento Valle Verde, com extensão de 15 km + 780 metros.

Outubro de 2014
A Construtora Roma abandonou as obras de asfaltamento do trecho de 16 quilômetros entre Aracruz e a localidade de Santa Rosa, transformando em pesadelo o sonho dos moradores e produtores rurais da região.

Março de 2015
O DER-ES buscou negociar com a Construtora Roma a retomada das obras. Se não houvesse acordo, haveria nova licitação, com previsão para o segundo semestre daquele ano.

Dezembro de 2017
Em um evento no SESC de Aracruz, o então governador Paulo Hartung confirmou a retomada das obras do asfalto de Santa Rosa e da ponte sobre o rio Piraquê-açu e garantiu que o edital de licitação seria publicado no próximo mês, com perspectiva de iniciar os serviços até abril de 2018.

Agosto de 2019
Com o canteiro de obras já montado com máquinas e veículos, a Construtora Premocil, de Cachoeiro de Itapemirim, iniciou a retomada das obras do asfalto de Santa Rosa.

PUBLICIDADE

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui