As práticas sustentáveis adotadas pelo Shopping Oriundi

O aproveitamento da água de chuva e a coleta seletiva estão entre as iniciativas pró-meio ambiente do empreendimento

0
37
Foto: Divulgação

Em Aracruz, o Shopping Oriundi é exemplo bem sucedido no aproveitamento das águas pluviais, entre outras práticas sustentáveis. O empreendimento conta com um sistema de captação de água da chuva, que é armazenada em reservatórios de 400 mil litros para usos não potáveis como descargas sanitárias, higienização de calçadas e irrigação de áreas verdes.

O Shopping Oriundi conta com um sistema de captação de água da chuva, que é armazenada em reservatórios de 400 mil litros para usos não potáveis. Foto: Divulgação

Captar água da chuva para fins de reaproveitamento é uma medida importante porque, além de gerar economia da água potável, reduz o acumulado em galerias subterrâneas. Vale lembrar que segundo relatório da Organização das Nações Unidas (ONU), em 2050 dois terços de toda população do planeta será afetada pela escassez de água. E o Brasil, embora possua grande reserva de recursos hídricos, também está incluído na situação apontada.

A iluminação em LED nos halls dos pavimentos e o uso de temporizadores de torneiras são outras iniciativas pró-meio ambiente do Shopping Oriundi, que ainda conta com ambientes planejados para o máximo aproveitamento da luz do dia, caso da praça de alimentação.

O empreendimento ainda promove a coleta seletiva, medida que também tem cunho social uma vez que a renda obtida com a venda dos resíduos sólidos recicláveis (alumínios, papelões, plásticos, vidros, etc.) segregados – inclusive os descartados por clientes – é integralmente repassada ao Recanto Feliz, serviço de acolhimento institucional situado no distrito de Guaraná.

Administrador do Shopping Oriundi, o empresário Aderjânio Pedroni ressalta que “a sustentabilidade é uma questão cada vez mais relevante para a sociedade. Em visto disso, estamos sempre buscando ideias e soluções que evitam desperdícios e trazem benefícios para o empreendimento, os locatários e o meio ambiente”.

PUBLICIDADE

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui