Você está aqui: HomeNotícias › Notícia completa
30/11/2018 às 08:39
Hospital Rio Doce aumenta número de atendimentos e cirurgias de câncer

No serviço de Oncologia do Hospital Rio Doce, em Linhares, que é referência para o Norte do Estado no tratamento da doença, o número de consultas e cirurgias de janeiro a outubro de 2018 aumentou 57% em relação ao mesmo período de 2017, segundo dados estatísticos do hospital. Em 2017 foram realizadas 285 cirurgias no período. Em 2018 esse número saltou para 502. Já o número de consultas passou de 4.904 em 2017 para 7.351 em 2018.

 

A Dra. Raquel Quintino, cirurgiã da Unidade de Atenção em Oncologia do hospital, explica que o aumento nos números se deve ao melhor acesso dos pacientes ao serviço, o que consequentemente aumentou os números de consultas, diagnósticos e cirurgias. “Até 2017, o agendamento era feito apenas pelo Sistema Estadual de Regulação. Hoje, com a desburocratização, os próprios pacientes e acompanhantes também conseguem marcar a consulta no próprio setor de oncologia, com uma espera mínima para passar pelo médico. O acesso à Unidade de Oncologia foi amplamente facilitado”, salienta a médica.

 

Para o oncologista clínico, Dr. Guilherme Biancardi, vale um alerta importante: "aproximadamente 30% dos casos da doença poderiam ser evitados apenas com mudanças em hábitos de vida". Entre essas mudanças, o especialista aponta itens que fazem parte do consumo diário da maioria dos brasileiros. "Evitar alimentos gordurosos, produtos industrializados e enlatados. Introduzir na dieta frutas, verduras e legumes. Evitar o tabagismo, excesso de álcool, sedentarismo e manter um peso adequado. Só essas medidas, associadas a prática de atividade física, já diminuiria em 30% o número de casos", revela o médico.

 

O oncologista chama atenção ainda para outro dado preocupante. O número de pessoas jovens com câncer tem aumentado e a doença nesse público é mais agressiva. "Conforme aumenta a idade também é maior o risco de ter câncer, porém, temos observado que, cada vez mais, pacientes jovens têm aparecido com a doença, e com um agravante, o câncer no paciente jovem tende a ser mais agressivo", salienta o profissional.

 

O câncer de mama é o mais comum entre as mulheres, então toda mulher deve realizar mamografia uma vez por ano a partir dos 40 anos. Já o câncer de próstata é o mais comum nos homens, portanto os homens devem fazer o exame de PSA e toque retal uma vez ao ano, depois dos 45 anos. O câncer de pele é o que tem mais casos de maneira geral. O importante é se proteger do sol, principalmente nos horários de maior radiação, usando sempre filtro solar, chapéu e óculos de sol”, enfatiza Dra. Raquel.

Veja mais sobre Saúde [+ notícias]

Edição da Semana

Coluna
Beth Vervloet

Confira aqui as notícias da sociedade e as fotos de quem é notícia em Aracruz e região.

Fórum do Leitor

Entre e deixe o seu comentario em nosso livro de visitas!