Você está aqui: HomeNotícias › Notícia completa
16/08/2019 às 08:09
Erick Musso viabiliza implantação de Farmácia Cidadã em Aracruz

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Erick Musso, conseguiu junto ao Governo do Estado a implantação de uma Farmácia Cidadã em Aracruz, que deve ser inaugurada no próximo dia 23 de setembro, beneficiando milhares de moradores da cidade e municípios vizinhos.

 

Assim, a população não precisará viajar até Vitória para buscar os medicamentos de alto custo, que são gratuitos e fornecidos pelo Sistema Único de Saúde (SUS). O Estado ainda vai arcar com o transporte dos remédios e a capacitação da equipe técnica e a Prefeitura de Aracruz disponibilizou o espaço físico, na Unidade de Saúde do bairro Guaxindiba.

 

A Farmácia Cidadã ampliará o acesso aos medicamentos e irá aprimorar a qualidade dos serviços ofertados aos usuários de medicamentos de alto custo. O local terá ambiente climatizado, atendimento farmacêutico especializado, informatizado e desburocratizado, além da disponibilização de serviços pela internet e comunicação via torpedo.

 

Além de Aracruz, que vai sediar a Farmácia Cidadã, por meio dela ainda serão atendidas as cidades de Fundão, Santa Teresa, Ibiraçu e João Neiva. O município aracruzense receberá anualmente R$ 30 milhões em medicamentos de alto custo. Os medicamentos oferecidos são diferentes daqueles ofertados nas farmácias básicas e unidades básicas de Saúde. Trata-se de medicamentos especializados, conhecidos como os de alto custo, para aquelas patologias onde já se tentou o tratamento por vias mais simples, porém sem melhorias.

 

Prefeitura capacita profissionais para a Farmácia Cidadã

Doze profissionais, entre farmacêuticos e assistentes administrativos que trabalharão na Farmácia Cidadã, iniciaram no último dia 12, na Unidade de Guaxindiba, a capacitação quanto aos detalhes de funcionamento. Aracruz será o 11º município a contar com esse projeto.

 

A ação é o início de um treinamento junto à secretaria de Estado da Saúde, que ainda contará com outros momentos, também em Vitória. A apresentação ficou por conta da coordenadora das Farmácias Cidadãs Estaduais, Lais Frigini. Ela comentou sobre as etapas que envolvem a capacitação, que “ocorrerá de forma teórica e prática, para passar uma visão geral sobre o financiamento e como se executa o componente especializado, que é a forma como liberamos os medicamentos estaduais para os pacientes do SUS”.

 

Ainda de acordo com Lais, esse financiamento ocorre por meio da autorização de procedimento ambulatorial, que é um instrumento que tem por objetivo o registro dos atendimentos ambulatoriais realizados no SUS. Trata-se de um recurso fundamental para autorização, cobrança, pagamento e fornecimento de informações gerenciais para os procedimentos ambulatoriais no âmbito do SUS. Após o treinamento será feito um cadastro dos pacientes da Unidade da Farmácia Cidadã em Aracruz, que são, em média, 3,6 mil pessoas.

Veja mais sobre Política [+ notícias]

Edição da Semana

Coluna
Beth Vervloet

Confira aqui as notícias da sociedade e as fotos de quem é notícia em Aracruz e região.

Fórum do Leitor

Entre e deixe o seu comentario em nosso livro de visitas!