Você está aqui: HomeNotícias › Notícia completa
07/12/2018 às 09:30
Escola do Legislativo lança a primeira cartilha inclusiva do Brasil

Dani Sanz

A Escola do Legislativo da Assembleia Legislativa Santo lançoua primeira cartilha totalmente inclusiva das escolas legislativas do Brasil. O material, que será disponibilizado a todas as visitas do público monitoradas pela Escola do Legislativo, além de ser usado pelos deputados como material institucional do parlamento, contará com a versão em braile (disponibilizado na biblioteca da Ales), na versão audiobook e na versão em libras (as duas últimas abrigadas no portal institucional). A iniciativa amplia o seu alcance a todos os cidadãos, em todas as linguagens.

 

O conteúdo da cartilha traz informações sobre o funcionamento do parlamento, o processo de produção de leis, os caminhos de acesso do cidadão ao parlamento e aos parlamentares, bem como contatos de todos os setores que oferecem serviços à sociedade em geral.

 

O presidente da Associação das Escolas do Legislativo do Brasil, Florian Madruga, enfatizou que o parlamento capixaba é o pioneiro no Brasil a lançar uma cartilha acessível. "A Assembleia Legislativa do Espírito Santo está sendo um exemplo para o Brasil, lançando uma cartilha que engloba todos os segmentos da cidadania. É um momento de celebrar a cidadania brasileira. É um marco para o Brasil, pois a Ales está trazendo todos os cidadãos para dentro da Casa de Leis", disse.

 

O presidente da Assembleia, deputado Erick Musso, falou sobre esse feito inédito no Brasil. "Quando assumimos a Mesa, trabalhei em dois pilares: o primeiro que as pessoas tratassem os colegas com respeito e dignidade. E o outro: que pudéssemos colocar a sociedade dentro da Casa. Por isso, iniciamos um planejamento para entregarmos uma série de serviços que nos trouxeram essas grandes conquistas, como a cartilha acessível da Escola do Legislativo", disse.

 

Libras

Além do lançamento do material informativo, o evento teve assinatura de autorização para a Casa realizar estudo técnico com vistas à contratação de intérprete da Língua Brasileira de Sinais (Libras) para o Parlamento estadual. O documento foi assinado pela deputada Raquel Lessa e pelo presidente da Casa, Erick Musso. A solenidade contou com a tradução simultânea para a Língua Brasileira de Sinais (Libras).

Veja mais sobre Política [+ notícias]

Edição da Semana

Coluna
Beth Vervloet

Confira aqui as notícias da sociedade e as fotos de quem é notícia em Aracruz e região.

Fórum do Leitor

Entre e deixe o seu comentario em nosso livro de visitas!