Autor do atentado em escolas de Coqueiral é preso; PC e PM preparam pronunciamento oficial

0
860
Dezenas de pessoas se concentram em frente à 13ª Delegacia Regional na expectativa de acompanhar o desfecho do caso que deixou a população de Aracruz consternada. Foto: Divulgação

Em ação conjunta, as polícias Civil e Militar prenderam o atirador que matou ao menos três pessoas no atentado a duas escolas do bairro Coqueiral, em Aracruz, na manhã desta sexta-feira 25. O nome dele ainda não foi divulgado. O delegado Leandro Sperandio informou que em breve haverá um pronunciamento oficial sobre o caso.

Trajado com roupa camuflada e munido de uma pistola e vários carregadores, o atirador entrou na Escola Estadual Primo Bitti e atirou em nove pessoas, tendo duas delas vindo a óbito no local. Depois ele seguiu para o Centro Educacional Praia de Coqueiral (CEPC), o antigo Darwin, onde atingiu três pessoas: uma delas morreu no local. O nome das vítimas ainda não foi divulgado.

A barbárie interrompeu o clima de alegria na Escola Primo Bitti, que comemorava a recente conquista do Prêmio Sedu: Boas Práticas na Educação, um feito inédito.

O prefeito Dr. Coutinho e o governador Renato Casagrande decretaram luto oficial de três dias. O mesmo fez o presidente da Assembleia, deputado Erick Musso, no legislativo capixaba.

Em nota, a Diocese de Colatina, por meio da Pastoral da Educação e da Paróquia Imaculada Conceição, manifestou profundo pesar e solidariedade a todas as vítimas e famílias envolvidas. “Que Deus, neste momento de dor, conforte os corações de todos. Sejamos promotores da justiça e da paz conforme o Evangelho de Jesus”, destaca a nota.

PUBLICIDADE