Ales conhece experiência empreendedora de escola

A professora Iandra Aparecida dos Santos Gasparini falou sobre educação empreendedora e mostrou como o assunto é tratado na escola técnica estadual Talmo Luiz Silva, de João Neiva, por meio da Incubadora Prosperas

0
5
Professora de escola técnica de João Neiva, Iandra Gasparini apresentou incubadora que visa estimular ambiente de inovação entre os alunos. Foto: Ellen Campanharo

Por Marcos Bonn

A Comissão de Educação da Assembleia recebeu representante da escola técnica estadual Talmo Luiz Silva, de João Neiva. A professora Iandra Aparecida dos Santos Gasparini falou sobre educação empreendedora e mostrou como o assunto é tratado na unidade por meio da Incubadora Prosperas, que estimula ações na área com capacitação, apoio e consultoria.

“Empreendedorismo não é só apenas empreender, montar o próprio negócio. E sim despertar para novas oportunidades. Empreendedores são aqueles que conseguem enxergar a crise e fazer dessa crise uma oportunidade”, avaliou a pesquisadora no segmento e com mestrado em Administração. A convidada ressaltou a importância de fomentar esse tipo de ensino, pautado principalmente na criação de um ambiente de inovação, propício para que o aluno possa ser protagonista de suas soluções, como é o caso da incubadora.

Iandra Gasparini afirmou que todas as escolas técnicas do Estado têm um componente curricular de empreendedorismo, mas cobrou que iniciativas como essas sejam ampliadas em termos de ensino: “Um aluno com perfil empreendedor desenvolvido é mais bem preparado para o mercado”.

Segundo revelou a professora Iandra Gasparini, um convênio firmado entre a Talmo Luiz Silva e empresas permite que os alunos já saiam empregados ao fim dos cursos. A unidade oferta profissionalizante nas áreas de administração, segurança do trabalho, mecânica, automação, gastronomia e estética.

PUBLICIDADE